A importância da fisioterapia na terceira idade

3 minutos para ler

A idade chega para todos, mas a forma como ele afeta cada um é única. Para compreender a importância da fisioterapia na terceira idade, é preciso saber que algumas pessoas ficam mais suscetíveis a certos comprometimentos funcionais.

O resultado pode se manifestar como dores e até a perda da autonomia. Contudo, tendo o devido cuidado e acompanhamento, é possível inclusive aumentar a expectativa e a qualidade de vida.

Então, vamos entender um pouco mais sobre o assunto e aprender mais detalhadamente qual a importância da fisioterapia na terceira idade.

Para que serve a fisioterapia na terceira idade?

Para quem não conhece, a fisioterapia é uma especialidade da área da saúde. Ela utiliza técnicas de alongamento, massagens e movimentos corporais para combater e prevenir doenças crônicas e articulares.

Por meio dela é possível realizar a reabilitação de um paciente, bem como ajudar a melhorar a qualidade de vida de pessoas idosas.

Nesse caso, exercícios usados são todos voltados para o público da terceira idade, visando o fortalecimento articular, a movimentação do corpo e a maior sustentação das estruturas corporais.

Mais do que isso, eles ainda podem ser desenvolvidos especialmente para as limitações e enfermidades de cada um.

O resultado é um corpo mais ativo e funcionando melhor, possibilitando viver com mais bem-estar.

Benefícios da fisioterapia na terceira idade

Como já foi possível notar até aqui, a importância da fisioterapia na terceira idade é muito grande, podendo assegurar uma vida com mais qualidade e bem-estar.

O foco dessa especialidade são os ossos, os músculos, os nervos e as articulações. Vamos conhecer os benefícios que ela pode oferecer aos idosos:

• Mantém a flexibilidade

Sem dúvidas, esse é um excelente benefício para quem já está na terceira idade, pois é comum que as articulações se tornem mais rígidas. Ter liberdade de movimentos é algo essencial em qualquer fase da vida.

Claro que o foco não é ter novamente a mesma elasticidade de quando se era jovem, mas sim possibilitar viver e se movimentar sem restrições e sem dores.

Nesses casos, as atividades são voltadas para o alongamento e também para o fortalecimento dos membros de sustentação.

• Melhora a coordenação e o equilíbrio

Um dos fatores que causam muita preocupação na terceira idade são as quedas, que podem gerar fraturas que já não cicatrizam mais tão rapidamente.

Também é comum que haja uma diminuição da coordenação.

Os exercícios de fisioterapia podem ajudar muito com isso, além de propor novos hábitos que estejam mais adequados à essa nova realidade.

• Diminuição das dores

Viver com dor é algo que pode ser torturante, porém, é comum nessa fase da vida. Contudo, com os exercícios certos, a fisioterapia geriátrica pode ajudar a aliviar ou exterminar o problema.

• Aumento ou manutenção da força

A perda do tônus muscular também é bastante normal na terceira idade. Contudo, com a fisioterapia é possível aumentar e preservar a força dos músculos.

Além de facilitar o dia a dia, manter a força também ajuda a evitar a sobrecarga em outras estruturas, como as articulações!

Agora já conhecemos bem a importância da fisioterapia na terceira idade. Então, se você também quer aderir, fale conosco para ter o atendimento desejado!

Posts relacionados

Deixe um comentário